Contar com uma estrutura logística como essa pode ser uma ótima estratégia de negócio para empresas que buscam aumentar a sua participação no mercado.

Essencial para os resultados das empresas em mercados cada vez mais competitivos, o centro de distribuição (CD) é onde ocorre boa parte das operações logísticas, e tem se tornado uma estratégia de negócio bastante comum nos dias de hoje.

O local funciona como uma base que centraliza todos os processos logísticos, organizando-os de maneira que sejam mais eficientes, reduzindo custos e aumentando a produtividade dos setores.

Confira abaixo quais as características de um centro de distribuição, a sua função e a sua importância nas empresas, quais as vantagens de possuir uma estrutura como essa e quais medidas podem impactar positivamente o desempenho de um CD.

O que é um centro de distribuição?

É uma instalação localizada em um local estratégico para atender às operações logísticas de uma empresa. Ele pode estar próximo ou não da sede do negócio, mas é interessante que esteja perto de rodovias e/ou centros urbanos.

Nesta instalação, são armazenados e manipulados os produtos que chegam do fabricante até que sejam despachados ao destino final.

Centros de distribuição geralmente são estruturas amplas, com capacidade para o fluxo de caminhões. Caracterizam-se por serem instalações consideradas mais modernas que os armazéns, que geralmente são apenas depósitos de mercadorias e insumos.

Qual a função de um centro de distribuição?

Apesar de ser comum resumi-lo como um local que recebe e distribui produtos, uma série de operações é realizada nas etapas logísticas de uma empresa para cumprir exigências e prazos. Entre as mais comuns em um CD, temos:

Recebimento

É onde começa a cadeia de operações do centro de distribuição e a base para as etapas seguintes. O processo de descarga dos produtos precisa ser eficiente e ágil. O mesmo vale para a verificação da qualidade e da quantidade dos itens.

Movimentação

A movimentação é outra etapa que requer agilidade, mas ao mesmo tempo precisa ser bem planejada e executada com cuidado para cumprir funções complexas dentro dos processos logísticos.

O transporte interno atende as demandas de recebimento, além de conferir e alocar as mercadorias no estoque e reorganizar itens que já estão armazenados, com o objetivo de otimizar o espaço.

A movimentação externa, por sua vez, abrange o transporte dos produtos para entrega aos clientes ou aos pontos de venda (PDV). Ambas dependem de mão-de-obra e equipamentos específicos, como empilhadeiras e pallets, e influenciam bastante as despesas.

Armazenagem

Os processos em torno da armazenagem devem estar funcionando corretamente para haver equilíbrio entre a oferta e demanda de mercadorias.

Essa estocagem dos itens parados ainda representa custos para as empresas, o que requer boa gestão. A finalidade é sempre buscar proporcionar uma armazenagem dinâmica, sem manter os produtos estacionados por muito tempo.

Separação

Conhecida também como picking, a separação é o momento de retirada dos itens do armazenamento para prepará-los para a expedição. É uma etapa que envolve muitos custos operacionais, ao mesmo tempo em que erros podem refletir em reclamações futuras.

Na separação, a empresa geralmente tem controle dos processos e dos produtos envolvidos na cadeia logística. Técnicas de estocagem e o desenvolvimento de rotas inteligentes estão entre as medidas que podem fazer a diferença nesta fase.

Expedição

Dependendo do porte ou das condições financeiras da empresa, essa última etapa pode ser terceirizada. Aqui, também são conferidos novamente os produtos, que também são pesados, validados junto aos pedidos e têm a documentação necessária emitida.

Picos de demanda, falta de sincronia, problemas na emissão de notas fiscais e atrasos com o transporte são questões recorrentes nesta fase. Nas empresas mais estruturadas, as viagens costumam ser bem planejadas e objetivas.

Layout

O layout, isto é, a maneira como são distribuídos os elementos integrantes da cadeia logística da empresa em um ambiente, é frequentemente citado como um fator essencial para o bom funcionamento de um centro de distribuição.

Afinal, a estruturação adequada de um CD, com setores integrados, bem dispostos e otimizados, com certeza vai se refletir no desempenho da empresa.

A importância e as vantagens de um centro de distribuição

Como vimos, diferentemente de um armazém, um centro de distribuição não é desenvolvido somente para guardar itens, e sim para ser um braço estratégico em operações logísticas mais complexas de empresas que buscam crescer no mercado.

Com eficiência na movimentação de mercadorias, boa localização, centralização do estoque e controle na janela de vendas (como, por exemplo, em datas comemorativas), é possível ganhar tempo, reduzir custos e garantir qualidade no serviço prestado.

Como montar um centro de distribuição

A busca constante por aperfeiçoamento das diferentes etapas realizadas em um CD é o que facilitará o trabalho e aumentará a produtividade de todos.

Algumas medidas, como a gestão correta de entregas, podem ser diferenciais no trabalho de mitigar eventuais falhas no controle e no envio de mercadorias. Para isso, é imprescindível contar com tecnologias modernas para automatizar os processos.

Os profissionais também precisam estar alinhados e bem treinados a respeito dos procedimentos, das técnicas e das ferramentas utilizadas, para que fatores como o tempo de reposição dos produtos não se tornem gargalos.

Não menos importante é o controle de qualidade, uma atividade que deve se basear em indicadores de desempenho (ou KPIs). Problemas na qualidade dos processos podem resultar em pedidos errados ou incompletos, retrabalhos, atrasos e perdas.

Neste texto, você pôde notar como escolher o centro de distribuição como estratégia de negócio pode ser uma ótima opção para o empreendedor que busca atingir um alto padrão de qualidade em sua empresa.

Na hora de procurar a estrutura ideal para atender os objetivos do seu negócio, porém, é fundamental procurar contar com a ajuda de quem entende do assunto.

Especialista em compra, aluguel e administração de galpões, a Disk Galpões possui grande variedade de instalações próximas de centros urbanos, prontas para atender às suas necessidades. 

Como funciona o centro de distribuição da sua empresa? Aprenda mais sobre como melhorar os processos logísticos de distribuição