Desde a adoção de sistemas de gestão modernos até a implementação de medidas de controle e a terceirização de etapas, aprimorar a logística de distribuição pode mudar as perspectivas do seu negócio.

Agilidade, eficiência, aumento na qualidade do serviço, melhoria no custo-benefício e aumento da produtividade são metas comuns de empresas. Entre vários conceitos e ferramentas que podem ajudar a alcançá-las, uma que merece destaque é a logística de distribuição.

O conceito tem como base a busca pela eficiência nas diferentes etapas da organização e, por prever o controle até a finalização da entrega, acaba se relacionando bastante com a impressão e a opinião do consumidor a respeito de seus serviços.

Para atingir um processo eficiente, é preciso adotar uma série de estratégias e planejamentos e ter muito comprometimento e atenção aos detalhes. Confira abaixo o que permeia esse conceito, suas etapas e o que fazer para aprimorá-lo:

O que é o processo de distribuição?

Logística de distribuição é o conjunto de tarefas, processos, escolhas e decisões que norteiam a gestão das mercadorias dentro da empresa, desde o momento em que saem da fábrica ou do estoque até a entrega ao cliente.

Em outras palavras, o processo de distribuição caracteriza-se por ser o fluxo de etapas que torna viável a entrega de produtos e mercadorias ao cliente dentro de um prazo estipulado.

Essa atividade tem impacto direto nas finanças de um negócio, portanto sempre recebeu uma atenção especial dos empreendedores e dos gestores.

Assim, a logística de distribuição otimiza todos esses processos com o objetivo de torná-los mais rápidos, mais seguros e também mais baratos em alguns casos. Para isso, segue estratégias que envolvem variadas áreas do negócio.

Qual a importância de um bom processo de logística para empresas

veiculo levantando peso

Um bom processo permite diminuir perdas e custos, reduzindo o tempo utilizado para determinadas tarefas. Em casos nos quais a logística de distribuição é realizada da maneira correta, é possível administrar toda a trajetória da mercadoria com cuidado.

O processo, quando feito da forma correta, pode baratear um produto. Portanto, disponibilizar os itens no local correto e no momento certo se tornou uma questão estratégica nas empresas que buscam vantagens competitivas, vislumbrando sempre uma melhoria constante.

Leia mais: Qual a Importância da Logística para as Empresas de Todos os Setores? 

Como funciona a logística de distribuição?

A distribuição logística foca no armazenamento e no escoamento dos produtos, mas engloba também o planejamento de todas as movimentações de itens e mercadorias feitas pela empresa.

O objetivo é entregar ao cliente ou ao consumidor final o que ele adquiriu no prazo estipulado, ao mesmo tempo em que seja possível trabalhar com fretes competitivos. Para isso, algumas etapas são fundamentais.

Quais são as etapas do processo de distribuição logística?

Entenda melhor abaixo quais as principais etapas desse processo:

1. Gestão de transportes

várias frentes de caminhões

Fazer a administração do transporte é decidir como determinada carga será transportada e todas as escolhas que envolvem o processo de entrega, como: qual o modal de transporte mais rápido, quais taxas são cobradas ou se transporte multimodal é uma opção.

Uma vez definidos se o modal será aéreo, rodoviário, ferroviário, rodoviário ou dutoviário (ou até mais de um desses), é preciso planejar também a rota a ser seguida pelo(s) veículo(s). É a partir da gestão de transportes que se calcula prazo e valor de frete.

2. Checagem

Essa etapa garante a conferência das cargas, desde a entrada no galpão até o embarque nos veículos, e exige muito cuidado. A checagem e a expedição são o que vão garantir que o cliente receba corretamente o que foi pedido, evitando imprevistos.

Desta forma, é possível diminuir ocorrências como entregas erradas, itens insuficientes ou até produtos vencidos. Rastrear os materiais, neste caso, é importante para manter o controle sobre pedidos e lotes.

3. Gerenciamento do frete

O frete é calculado com base nas informações colhidas na etapa de gestão de transportes. Saber quanto cobrar é essencial para a saúde financeira da empresa. Algumas atividades que devem ser observadas em relação ao controle do frete são:

  • expedição dos produtos;
  • monitoramento remoto da frota;
  • dimensionamento da carga conforme o veículo de transporte;
  • seleção do modal.

4. Análise de indicadores de desempenho

Os chamados indicadores de desempenho, conhecidos também como KPIs, permitem analisar o que está indo bem e o que precisa ser aperfeiçoado no negócio. 

Alguns índices, como o número de devoluções e seus motivos e a quantidade de atrasos durante um período de tempo, podem ser usados para verificar gargalos e desenvolver soluções. Assim, mergulhe nas métricas e nos relatórios para garantir produtividade.

Os indicadores de desempenho devem ser definidos conforme as metas de seu negócio. Por exemplo, suponha que sua empresa precisa reduzir custos com entrega: meça o tempo levado, o volume de cargas transportado por modal e os atrasos para cada local. Com os indicadores é possível definir como melhorar e alcançar tal meta.

5. Roteirização

O desenvolvimento de um trajeto que tenha como intuito diminuir o tempo necessário para todas as etapas da produção até a entrega tem relação direta com a satisfação de seus clientes, mesmo muitos deles não sabendo disso.

Definir os roteiros é mais do que informar o endereço do canal de distribuição. Para isso temos atualmente a ajuda de dispositivos como o GPS, integrados a qualquer celular moderno.

Encontrar um caminho melhor, desviar do trânsito e planejar o melhor momento para percorrer a rota garante profissionalismo. Além disso, tais práticas podem ajudar na economia de combustível e com manutenção, além de proporcionar um trajeto mais seguro ao entregador.

Como aumentar a eficiência de um processo de logística

Algumas mudanças podem ser simples e vantajosas, enquanto em outros casos é preciso investir em soluções tecnológicas, que podem representar a melhoria da produtividade de vários processos diferentes. Abaixo, confira algumas dicas:

1. Considere sistemas de gestão

Investir em um sistema de gestão moderno que reúna todas as informações que você precisa é essencial para o controle e a tomada correta de decisão. Além disso, uma vez automatizados alguns processos, é possível realocar pessoas em atividades mais estratégicas.

2. Faça um bom planejamento de estoque

várias caixas de papelão empilhadas

Manter ou alugar um galpão não é uma despesa que pode ser ignorada, portanto se planejar bem para não faltar mercadoria na hora de abastecer o caminhão é imprescindível.

É importante definir quais mercadorias valem o custo-benefício da armazenagem e o que fazer para não deixar produtos com bom volume de  saída faltarem. Além disso, o planejamento de estoque ajuda a evitar um estoque cheio de itens parados.

Para quem atua em ramos de perecíveis ou ativos perigosos, como a indústria alimentícia e a indústria química, o planejamento de estoque ainda deve levar em conta a segurança dos produtos, do local e dos funcionários. 

Leia também: Galpão Para Logísticas: Dicas Para Escolher o Ideal 

3. Aprimore os serviços e colaboradores

Além do preço e do prazo de entrega, a qualidade do seu serviço vai refletir na satisfação do cliente. Investir em capacitação, em treinamento e em melhorias no atendimento, com foco no bem-estar de clientes e colaboradores, é fundamental.

4. Terceirize processos quando fizer sentido

Terceirizar processos internos ou mesmo a entrega do produto pode ser a resposta para ter mais competitividade em seu negócio, aproximando a sua empresa de grandes centros consumidores, que são destinos em potencial.

Com a terceirização, é possível muitas vezes simplificar processos, reduzir custos, melhorar a qualidade do serviço e aproveitar o know-how e os equipamentos do parceiro.

É possível terceirizar inclusive a administração do local de armazenamento de produtos. Para isso, conte com uma empresa especializada na administração e locação de galpões. 

Aprimorar para se destacar

Aprimorar a eficiência da logística de distribuição pode mudar as perspectivas de um negócio. O mercado e o consumidor veem com bons olhos quem executa melhor essas estratégias.

Ao empreendedor que busca alugar, comprar ou administrar um galpão próximo de grandes centros urbanos, confira as opções disponíveis na Disk Galpões, um dos principais integrantes do setor de consultoria imobiliária na região da Grande SP.